Dance Comigo

Tempo estimado de leitura: 3 horas

    18
    Capítulos:

    Capítulo 17

    The book of love

    Álcool, Hentai, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo

    Tudo parecia estar fora dos eixos. Naruto estava absurdamente calado nos últimos dois dias, Karin não se desgrudava dele, Neji ainda estava namorando, Gaara estava quieto em eu canto, Ino não o procurara, Hinata andava conversando com Sakura e aquele cara estranho não tirava os olhos da cerejeira! Tudo estava fora dos eixos.

    –Tenho uma coisa pra você mais tarde... sussurrou Karin em eu ouvido.

    Ele a encarou, a ruiva lhe mostrava um sorriso sacana.

    –Porque não agora?

    E pegou sua mão a puxando para algum lugar.

    –Ei, onde vão? Perguntou Naruto que acabou recebendo um tapa de Neji no braço.

    –Onde você acha idiota?!

    –Hum...bem que podíamos ir fazer o mesmo... Kim disse no ouvido do Hyuuga.

    –Talvez mais tarde. Respondeu após ouvir o som do sinal de inicio das aulas.

    –Você não parece muito empolgado com esse namoro. Comentou Gaara enquanto caminhavam para a sala.

    –Ela é gostosa e de boa família, é isso que importa.

    Naruto notou quando Hinata saiu da carteira ao lado da de Sakura se encaminhando para a sua, parecia que finalmente a cerejeira havia feito uma amiga, e com certeza ninguém seria melhor que a Hyuuga, que o evitava já a dois dias.

    –--------------------------

    Geralmente não interrompia o professor para pedir pra ir ao banheiro, mas naquele caso era necessário já que problemas femininos a obrigaram. Assim que entrou em um dos boxs pode ouvir ruídos estranhos, que naquela escola já nem eram tão estranhos assim...reconhecia aqueles gemidos, sabia o que eles significavam. Terminou o que tinha de fazer e saiu do box, lavava as mãos pronta para sair dali quando ouviu uma das portas ser aberta e sorrisinhos cúmplices em seguida.

    Quando a viram ali, se calaram na hora.

    –Bom dia. Disse fechando a torneira da pia.

    Karin riu e se olhou no espelho ajeitando os cabelos.

    –Otimo dia, pode ter certeza. Respondeu –Vou na frente, nos vemos depois. Disse para Sasuke, e completou –Não se preocupe, tenho certeza que ela já fez pior. Beijou-lhe o rosto e saiu dando um leve sorriso para a rosada.

    Ela o encarava pelo reflexo do vidro enquanto enxugava as mãos.

    –Tá olhando o que? Perguntou grosseiramente.

    –Feche o zíper ou o passarinho vai voar.

    Sasuke olhou pra baixo e tratou de puxar o zíper da calça apressadamente.

    Sakura se virou e sorriu zombeteira jogando o papel que enxugara as mãos no lixo.

    –------------------------

    Achou legal da parte de Hinata se juntar a ela no intervalo e lhe entregar uma barra de chocolate, a morena era tímida e desejava retribuir o favor. O que realmente estranhou foi Tenten se juntar a elas. A Mitsashi era nervosa e engraçada, fato que algumas vezes fez Sakura se reconhecer na morena de coques. Notou que estavam se afastando de Ino, talvez a loira tivesse-lhes feito alguma coisa, mas decidiu não perguntar.

    –Onde aprendeu a dançar daquele jeito Sakura? Tenten perguntou não se contendo e recebendo um cutucão de Hinata.

    A cerejeira sorriu.

    –Minha mãe me ensinou.

    –Ele deve ser uma grande dançarina pra você dançar assim.

    –É, ela era...

    –Ah, desculpe, eu não sabia...

    –Tudo bem, não tem problema. Sakura sorriu para Tenten. –Ela era argentina, veio pra cá para tentar melhorar de vida...encantava a todos com sua dança. A cerejeira dizia olhando pro céu. – Então aconteceu...

    –Aconteceu o que?? Tenten mal se continha de curiosidade.

    –Ela conheceu o meu pai e se apaixonou. Dizem que essa é a pior coisa que pode acontecer a uma dançarina.

    –Porque? Hinata se pronunciou.

    –Porque a partir do momento que ela o viu...nunca mais pôde dançar pra outra pessoa. E quando ele a viu, largou tudo pra ficar com ela.

    –Que lindo Sakura. Tenten encarava a rosada.

    –É, o amor deles era lindo.

    –Espero que um dia possa viver um amor assim. Comentou a Mitsashi também olhando pro céu.

    –Todas nós esperamos Tenten. Hinata completou.

    Ouviram o sinal bater. Tenten e Hinata se levantaram apressadas, a próxima aula seria da professora Kurenai.

    –Você não vem? A Hyuuga perguntou notando Sakura continuar no mesmo lugar.

    –Vão na frente, vou ficar mais um pouco aqui.

    –Tudo bem. Ambas decidiram não discutir, afinal entendiam o que seria pra ela encarar aquela aula novamente.

    –--------------------

    –Bom, todos nas posições por favor!! Kurenai ajeitava a turma, olhava para todos procurando por Sakura, mas nada.

    –Vamos continuar aprendendo a salsa? Naruto perguntou.

    –Creio que não senhor Uzumaki, parece que a escola não aprova aquele tipo de dança.

    –A rainha da dança não está aqui, quem iria nos ensinar não é?! Karin comentou em altura suficiente para fazer mais da metade da turma rir.

    –Pra não desanimar vocês, vamos fazer algo diferente hoje.

    Kurenai foi até o som e colocou uma musica.

    –Escolham seus pares.

    De longe Sakura pode ouvir a música começar a tocar. Suspirou e abraçou mais as pernas. Podia fingir que aquilo não lhe afetara, que vê-lo fazendo aquilo descaradamente não lhe incomodava, mas a raiva que sentiu ao ver o Uchiha sair daquele Box com aquela garota não era ilusão. Era real e ela sentia com toda fibra de seu ser.

    Naruto observava Hinata dançando mais adiante, devia ter tomado coragem e a convidado para dançar mas falhou, não conseguia encarar a garota depois daquilo, ele sabia dos sentimentos dela...mas não sabia o que era esse sentimento que começava a sentir dentro de si.

    –Até que você dança bem , cabeça de fósforo.

    –Você também loira aguada.

    Ino sorriu e se aconchegou mais nos braços de Gaara.

    –--------------------

    Deitou a cabeça sobre os braços apertados em volta das pernas e fechou os olhos. Aquilo tinha que passar..aquele sentimento tinha que passar.

    –Me concede essa dança?

    Sakura se assustou com a voz grave e abriu os olhos. Uma mão estava estendida até ela. Levantou os orbes esverdeados e sorriu ao constatar quem era.

    –Claro.

    Pegou a mão do jovem a sua frente e se levantou com sua ajuda.

    –Só não pise no meu pé.

    Ele sorriu e se aproximou mais colocando as mãos em sua cintura.

    –Não se preocupe, sei o que estou fazendo.

    Sakura levantou os braços os pousando no pescoço do mesmo, sentindo-se começar a ser guiada.

    Retirou os braços da ruiva de seu pescoço, aquela aula podia ser pior do que imaginava, saiu apressado dizendo ir ao banheiro. Caminhou apressadamente pra fora da quadra. O que importava que ela o tivesse visto com uma garota mais uma vez?! Ela sabia como ele era, já tinha jogado isso na sua cara mais de uma vez, seus pés só pararam quando viu um ponto rosa adiante, dançando abraçada com “aquele cara”.

    Estreitou os olhos e mordeu os lábios.

    Se separaram ao ouvir o sinal do término da aula.

    –Obrigada...Suigetsu.

    –Disponha, boneca.

    Ele sorriu e lhe deu as costas. Antes de se afastar ainda disse.

    –Fazemos um bom par juntos.

    Sakura riu mas não respondeu. Quando se virou para ir para sala deu de cara com os orbes negros a encarando.

    –Então você também dá suas escapulidas da aula.

    A cerejeira bufou.

    –Isso não é da sua conta.

    E lhe deu as costas pronta para sair, mas foi segurada no braço pelo moreno.

    –Você não é tão diferente de mim. Disse lhe olhando nos olhos.

    –Me solta! E puxando seu braço caminhou apressada pra longe do moreno.

    –---------------

    Quando o sinal do termino da aula tocou, fez como sempre, só se levantou quando todos já haviam saído. Encontrou com Tenten e Hinata do lado de fora e foram caminhando juntas para a saída. Quando se aproximava do portão de saída, pode notar duas figuras conhecidas paradas no mesmo.

    –Kiba? Lee?

    –Sakura! Finalmente, estávamos esperando você. Kiba disse se desencostando do portão.

    –Aconteceu alguma coisa?

    –Aconteceu Sakura-chan, a Tsunade...fechou a escola! Lee disse visivelmente desesperado.

    CONTINUA...


    Somente usuários cadastrados podem comentar! Clique aqui para cadastrar-se agora mesmo!